terça-feira, julho 02, 2013

Cela


Eu já quase te quis pra ficar,
mas aí você foi
e quem ficou fui eu.
No canto da cela,
você da cadeia
e eu de cavalo
que eu galopo
com a mesma vulgaridade
e a cara cheia de sempre.

Uma coisa é assumir a fome,

outra é a coragem para matá-la.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sintaxe à vontade: