quinta-feira, julho 09, 2009

Pelas ruas flores e amigos me encontram vestindo meu melhor sorriso...

"Ele perguntou:
– Procura margaridas?
Ela respondeu:
– Já era.
Ele perguntou:
– Avencas?
Ela respondeu:
– Falou".

(Caio Fernando Abreu - "A margarida enlatada" in: O Ovo apunhalado).

Um comentário:

  1. “Então eu te disse que o que me doíam essas esperas, esses chamados que não vinham e quando vinham sempre e nunca traziam nem a palavra e às vezes nem a pessoa exatas. E que eu me recriminava por estar sempre esperando que nada fosse como eu esperava, ainda que soubesse.”

    "Não é porque não queira: ela sabe; é porque há um herói num cárcere"

    "Não, meu bem, não adianta bancar o distante: lá vem o amor nos dilacerar de novo..."

    é isso, esses dialogos, essas salas de estar com...

    ResponderExcluir

Sintaxe à vontade: