sábado, julho 07, 2007

Tô sempre escrevendo cartas que eu nunca vou mandar
Tô sempre ensaiando coisas que eu nunca vou falar
Amores secretos, revistas semanais, deputados federais...
A vida é uma viagem - passagem só de ida
Há quem diga que não vale, há quem mate pra viver
Não perder a razão pra ganhar a vida nem perder a vida pra ganhar o pão
Segredos secretos
As coisas mudam de nome mas continuam sendo o que sempre serão
Às vezes tudo muda e continua tudo no mesmo lugar
O que eu faria no seu lugar, se tivesse pra onde ir e não tivesse que esperar
Às vezes não entendo o que quero dizer qnd fico calada.
Os dispostos...
Cada dia-a-dia a sobreviver
o caminho é um só.

2 comentários:

  1. ...pra que esperar, se podemos começar tudo de novo agora mesmo?

    ResponderExcluir
  2. E somos um só noum caminho único.
    Dispostos e sobrevivendo. E escrevendo essas belas produções como teu texto.
    Parabéns!!


    Abraçoas e bons escritos. Se puder, dê-me uma visitada e solte o verbo.

    Heloisa Rech

    ResponderExcluir

Sintaxe à vontade: